Negócios na Web 2015

No dia 30/07/2015 estive na sede do SECOVI SP para participar do evento Negócios na Web 2015, um debate promovido pela entidade com executivos de grandes portais imobiliários.

Parlare


Negócios na Web 2015 - Blog do Parlare

Cenário econômico afeta hábitos do comprador de imóvel na internet
 Usuário está mais criterioso e pesquisando mais ofertas de locação, segundo debatedores de evento da Rede Secovi de Imóveis

Negócios na Web 2015 - 01 - Blog do Parlare

Executivos dos portais ImovelWeb, Viva Real, SP Imóvel, MercadoLivre Classificados e Properati participaram da quarta edição do debate Negócios na Web, promovido pela Rede Secovi de Imóveis no dia 30/7, com a presença de aproximadamente 300 pessoas.

Negócios na Web 2015 - 02 - Blog do Parlare

Na avaliação dos debatedores, o cenário econômico desfavorável tem impactado nos hábitos das pessoas que buscam imóveis na internet. “As pesquisas por locação vêm crescendo bastante”, disse Renato Orfaly, country manager do Properati. O mesmo foi notado por Mateo Cuadras, CEO do ImovelWeb. “A busca por aluguel se tornou uma saída para muita gente.”

Caio Ribeiro, diretor do MercadoLivre, ressaltou o fato de os usuários estarem mais criteriosos. “Eles estão vendo mais anúncios em uma mesma página, visitando mais ofertas”, observou. Essa percepção também foi compartilhada por Diego Simon, co-fundador do Viva Real. “As pessoas, agora, esperam mais para fechar um negócio. Além disso, voltam ao portal com mais frequência.”

Pelo fato de os compradores de imóveis estarem mais seletivos, Alexandre Ruiz, diretor do SP Imóvel, enfatizou a importância da qualidade dos anúncios. “Os corretores têm de selecionar adequadamente o que vão colocar nos portais”, disse, em referência a ofertas sabidamente inviáveis – considerando critérios como qualidade do imóvel, preço, localização etc. – que, mesmo assim, são divulgadas.

Os executivos afirmaram que anúncios com informações incorretas figuram entre as grandes causas de reclamações dos internautas. Imóvel ‘isca’, unidades informadas com localização errada (exemplo: oferta anunciada como Tatuapé, quando, na verdade, é Vila Carrão), fotos insuficientes e demora para responder a eventuais compradores engrossam o caldo das razões pelas quais os usuários perdem a paciência.

Todos os portais que tiveram representantes no debate oferecem ferramentas e orientação a imobiliárias que se propõem a trabalhar com eles. “Para mitigar esse problema com localização, já há recursos de o internauta desenhar em um mapa a região onde ele quer procurar imóvel”, exemplificou Ricardo Paixão, vice-presidente da Rede Secovi e coordenador do evento.

Fonte: Secovi


Post publicado por:

Assinatura Parlare - CRECI


Banner NAI - Blog do Parlare

Clique na imagem e saiba mais…


Visite também:

Parlare Imoveis - Banner

Anúncios

Fale com Edmar Junior:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s